Tempo, tempo, tempo, tempo...

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Para mim, foi um choque cultural (Japão)


quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Gritaram-me negra!


"Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra."
(Bob Marley)

Diante do racismo, só repúdio!
A alma não tem cor!
(Lu Imoto)

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Meu povo, minha gente


Hoje acordei com uma saudade recheada: saudades da minha gente que 
tanto aprendi a amar...

Saudades de Geneilson e suas mãos exóticas (acho que Deus lhe deu seis dedos em cada mão, para ver se dava conta do teclado).
Saudades de Miknéias (escreve assim?) tão agarradinho no celular e dando risadas sozinho.
Saudades de Silvana e seu jeitinho manso de falar.
Saudades da energia de Neide e seus gritinhos básicos no corredor.
Saudades do silêncio de Ed (o menino do nariz de boneca).
Saudades da organização de Gorete, com seu perfil delicado de líder.
Saudades da comidinha gostosa de Rose e Pedrina.
Saudades de Lílian e seu jeitinho tão carinhoso de me ajudar em tudo que pode.
Saudades do silêncio de Nívea e do seu jeito firme de falar.
Saudades do companheirismo de Lêuda.
Saudades da energia de Denise na realização dos projetos.
Saudades da suavidade de Josiane.
Saudades das artes lindas de Roneli e seu jeitinho tão dinâmico de utilizar a biblioteca.
Saudades do jeitinho inovador do baixinho Thallysson (sempre erro o nome. Xa pra lá) ministrar suas aulas de matemática. 
Saudades de Brito, o moreno que sempre nos faz sorrir.
Saudades de Bandeira com seu jeito enérgico de ver a vida.
Saudades de Dorilando e de sua tranquilidade.
Saudades de Josefa e sua boa relação com o alunado.
Saudades de Vera Lúcia (tão aberta aos projetos).
Saudades de Nerimar desfilando no corredor com sua "abundância" (kkkkkkk).
Saudades de Edimar e sua religiosidade.
Saudades da elegância de Suzana e suas sandálias exuberantes.
Saudades de Neilde: sempre inovadora, aberta e polêmica (kkkkk).
Saudades de Guilherme (uai, sô!), com sua fala mansa e seu conhecimento de mundo.
Saudades das conversas culturais com Edivaldo e também dos risos quando ele perde seus sapatos... hehehe).
Saudades de Daíva e seu humor sobressalente (saudades até de quando ela é chata!).
Saudades de Aninha, suas saias, seus chinelinhos singelos e sua solicitude em ajudar no processo de formação de leitores. 
Ai! Saudades de Nogueira, nosso professor de libras: tão alegre, tão dinâmico! Que se comunica tão bem por meio de sua excelente expressão corporal!
(Quando escrevi, fui descrevendo voltado para as disciplinas e como Libras é uma disciplina à parte, terminei esquecendo dessa pessoa tão legalzona!).
Saudades da escola, das conversas corriqueiras, das discussões, das alegrias, do meu trabalho (que para mim é prazeroso).
Saudades de tudo e de todos!
"Beijim carinhoso (se esqueci alguém, retomo o texto e incluo o nome).

Amo vocês, equipe linda!



P.S.: Texto não corrigido: escrevi o que vinha exalando minha alma.


quarta-feira, 1 de novembro de 2017

"A matemática está em tudo"




   


   


O SESC Petrolina em parceria com o Ministério da ciência, tecnologia e inovação, realizou (24 a 27 out) a 14ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), com o tema: "A matemática está em tudo".

Evento rico em atrações (bandas, palestras, oficinas, exposição, mostra de ciências e experimentos).

Estávamos lá prestigiando e fotografei alguns stand's ( o maridão tinha massagem agendada).

O encontro tem o principal objetivo o de ligar os grupos das áreas da ciência e tecnologia e incentivar as atividades científicas no Brasil.
A programação deu direito ao acesso gratuito e percebi um número considerável de jovens participando (a jovem aqui estava lá!!!).











Mi niño hermoso









Atentos ao próximo encontro, porque vale a pena prestigiar!

   


sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Que mexicanos travessos!


Um "hermano" (JALT)  me enviou esta imagem tão singela (sobrinhos).
Lindos, não?
Peraltas também!
(Ciudad del México)